Vitória solicita utilização de estádio e se coloca “à disposição”

Marcio Souza
16/10/2017

A aproximação da temporada 2018 está sendo bastante movimentada no futebol de Vitória de Santo Antão. Pelo menos nos bastidores, a Associação Acadêmica e Desportiva Vitória tem se articulado para usufruir do Estádio Municipal Severino Cândido Carneiro (Carneirão). A praça esportiva segue inutilizável desde junho deste ano, após problemas estruturais que a deixa sem condições de sediar jogos.

O estádio, que historicamente serve de espada para brigas partidárias, está com o gramado defasado, as cabines de imprensa em condições insalubres e tem um pedaço do muro caído na parte que fica seu maior lance de arquibancadas.

Leia também: Quando a eleição foi decidida no futebol

Por causa disso, os clubes da cidade têm vivido uma peregrinação. O time feminino do Vitória disputou o nacional da categoria em Chã Grande, no Agreste; enquanto o Vera Cruz está disputando a segundona do estadual masculino em Feira Nova, também no Agreste.

Leia também: Vitória jogará Brasileiro Feminino em Chã Grande

Ciente da aproximação da pré-temporada 2018 e necessitando do tempo necessário para montar o time para o próximo estadual, o Vitória precisa ter a certeza se vai disputar a competição em casa. Em caráter antecipado, o Tricolor das Tabocas enviou na última semana aos poderes Executivo e Legislativo um ofício no qual requere a utilização do estádio.

Leia também: Sem Carneirão, Vera Cruz jogará longe da torcida

O documento, assinado pelo presidente Marlon Rafael dos Santos, reforça que “com a nova forma de disputa do Campeonato Pernambucano Série A1, a cidade da Vitória de Santo Antão receberá os grandes e tradicionais clubes do estado, a exemplo: América, Afogados da Ingazeira, Belo Jardim, Central, Náutico, Salgueiro, Santa Cruz, Sport, consequentemente atraindo para o Carneirão, grandes públicos”.

Em suas entrelinhas, o ofício ainda destaca que “no tocante a iluminação do estádio municipal, frisamos que a mesma atualmente não atende aos padrões necessários a transmissão dos jogos pela Rede Globo, emissora detentora dos direitos de transmissão do Pernambucano 2018 e aos demais meios de comunicação que irão cobrir o evento”.

No último trecho do documento, o clube se coloca à disposição dentro de suas “modestas condições”.

Veja o documento abaixo: 

 

 

 

 

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *