Com Carneirão interditado, Vera Cruz tem futuro incerto e pode não disputar A2

A direção do Vera Cruz tem motivos de sobra para esquentar a cabeça daqui por diante. Isso porque o Estádio Carneirão, em Vitória de Santo Antão, não oferece condições de jogo e por questões de segurança está oficialmente inapto para qualquer atividade esportiva até que uma reforma seja realizada. Tudo isso, “às vésperas” da segunda divisão do Campeonato Pernambucano, que deve começar em agosto.

Atualmente, a praça esportiva está com o gramado desgastado e parte do muro da arquibancada do placar cedeu no último mês.  Em ofício emitido pela Secretaria Municipal de Cultura Turismo e Esporte, enviado ao clube, informa-se sobre “achados que inviabilizem no tempo presente a utilização daquele equipamento público para quaisquer tipos de eventos”.

O presidente do Galo, Fernando Nogueira, disse estar preocupado com a impossibilidade de utilizar o estádio do município e não tem em mente como garantir a participação do clube na Série A2 do Estadual.

“Se tem que jogar em Vitória. Jogar em outra cidade é muito difícil, é muito complicado. A não ser se encontrássemos um parceiro que abracasse nosso projeto. Temos setenta pessoas empregadas diretamente e se caso a gente não participar vão ficar desempregadas”.

Enquanto não encontra uma solução para o futuro do Vera na segundona, Fernando lamenta a situação. “Não quero aqui encontrar culpados ou inocentes, mas a maior vítima disso tudo é o nosso futebol”, finaliza o mandatário se referindo à falta de cuidados com o estádio.

Por Marcio Souza, do Blog Futebol no Domingo

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Um comentário em “Com Carneirão interditado, Vera Cruz tem futuro incerto e pode não disputar A2

  • 08/07/2017 em 11:17 pm
    Permalink

    É uma pena termos q viver com isso o descaso é nitido
    em nossa cidade esse prefeito não tem comprometimento com nada infelizmente estamos a deriva com Elias havia estádio e ônibus pra levar a equipe a ainda reclamavam e hj tem o quê?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *