Atendimento de queimados em hospital de referência de PE no São João cai 28,5%

Pernambuco apresentou redução de 28,5% no número de queimados durante o período junino atendidos na unidade de saúde referência nesse tipo de atendimento no estado, o Hospital da Restauração (HR), na área central do Recife. Entre 2015 e 2016, a unidade havia registrado um crescimento de 23% no número de atendimentos.

Apesar da diminuição dos socorridos, aumentou o número de pessoas que precisaram ficar internadas devido a queimaduras no período. Neste ano, dos 29 adultos atendidos no HR, 17 precisaram ser internados. No ano passado, dos 23 adultos levados ao hospital, dez tiveram que ser internados. O balanço de 2017 foi divulgado pelo HR na manhã desta segunda-feira (3).

As festas de São João e de São Pedro, datas em que fogueira e fogos de artifícios se multiplicam, o mês de junho tem o segundo maior índice de pessoas queimadas durante todo o ano, perdendo apenas para os feriados de fim de ano, segundo o hospital.

Em 2015, foram registrados 51 casos de pessoas queimadas levadas ao HR. Em 2016, esse dado subiu para 63 ocorrências. Neste ano, foram atendidas 45 pessoas com algum tipo de queimadura pelo corpo.

Os acidentes com fogueiras são o principal motivo das internações na unidade de saúde e são as crianças as principais vítimas. Segundo o hospital, a diminuição no número total deste ano se dá justamente pela queda de crianças atendidas. Em 2016, 23 adultos e 40 crianças foram recebidos na unidade. Em 2017, foram 29 adultos e 16 crianças.

G1 Pernambuco

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *