Empresas impulsionam crescimento de Vitória de Santo Antão

Sadia Vitória-PE
Fábrica da Sadia deu o ponta pé no desenvolvimento da cidade. (Foto: Luciano Abreu/Blog Nossa Vitória)

Nos últimos oito anos, Vitória de Santo Antão deu um salto na economia e despertou os olhares de todo o Estado. Vitória conseguiu se consolidar como cidade estratégia e tem atraído grandes empreendimentos para o Distrito Industrial José Augusto Ferrer de Morais. Segundo a Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco, o Produto Interno Bruto (PIB) tem giro de R$ 1,6 bilhão. Em 2011, o PIB per capita foi de R$ 12,5 mil, superior ao do Estado, que contabilizou na mesma época R$ 11,7 mil.

Secretário de Planejamento, José Barbosa. (Foto: Thyago Leão/Blog Nossa Vitória)
Secretário de Planejamento, José Barbosa. (Foto: Thyago Leão/Blog Nossa Vitória)

Depois da chegada da fábrica da Sadia, em 2009, o município recebeu cerca de trinta e cinco nova empresas, classificadas em pequenas, médias e grandes. Os empreendimentos instalados no distrito industrial possuem localização estratégia, com acesso à BR 232, PE-45 e PE-50. Segundo o secretário de planejamento, José Barbosa, além das fábricas o distrito também irá receber um campus da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE.

O parque fabril é divido em quatro etapas: Engenho Bento Velho e Fazenda Cristina; Sadia; Natuba; e da Mondelez, antiga Kraft. De acordo com o secretário, a maior é a primeira etapa. “Lá tem instaladas umas quinze empresas e umas trinta e cinco a quarenta que estão em processo de instalação, quer seja em elaboração de projeto, construção e implantação”, destacou.

Obras de construção da Docile. (Foto: Thyago Leão/Blog Nossa Vitória)
Obras de construção da Docile. (Foto: Thyago Leão/Blog Nossa Vitória)

Com a instalação das fábricas, a cidade teve um significativo aumento na criação de postos de trabalho. “Fizemos um levantamento ultimamente e juntando todas essas fábricas, grandes, médias e pequenas, está gerando entre nove e dez mil empregos já criados em nosso município após a implantação dessas fábricas e a perspectiva é maior diante dessas outras empresas que vão se instalar”, enfatizou Barbosa.

Nos empreendimentos serão implantados nos próximos meses. No segundo semestre será inaugurada a MetalFrio. Até janeiro de 2016, será a vez da fábrica de doces Docile iniciar suas atividades. Em fase de projeto encontra-se a fábrica de tintas Iquine e na fase de construção a fábrica de bebidas Fante, fabricante do vinho Quinta do Morgado. “Nós damos todo o apoio logístico, além dos terrenos, e também participamos em parceria com as empresas da capacitação, treinamento de pessoal e tudo que for possível”, frisou o secretário.

Por Danilo Coelho, do Blog Nossa Vitória

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone

3 comentários em “Empresas impulsionam crescimento de Vitória de Santo Antão

  • 21/07/2015 em 12:59 pm
    Permalink

    Fiz curso tecnico de agroindustria com estagio espero uma chance pra mostrar meu potencial e ajudar a empresa.

  • 19/11/2015 em 8:30 pm
    Permalink

    vitoria merece ser um polo industrial forte que os nossos representantes -unam para correr atraz de atrativos para nossa cidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *